Ads 468x60px

Labels

Labels

23 de nov de 2010

Fábrica de laticínios chinesa criou maior máquina do mundo para transformar estrume em energia


O que acontece quando uma fábrica de laticínios chinesa pega o excremento de 60.000 das suas 250.000 vacas e o converte em eletricidade? Eles geram 5,66 megawatts de energia, o suficiente para abastecer, em média, quase 26.000 lares brasileiros.
De acordo com o site Techology Review, a Huishan Dairy criou um conversor de metano mais que dez vezes maior que os conversores comuns. Movido por quatro dos motores da GE (a foto acima mostra um deles), o conversor obtém metano fermentando o estrume da vaca e transformando-o em energia. A PopSci resume bem a ciência por trás do conversor, que envolve processos como hidrodessulfurização e digestão anaeróbica.

Mas o interessante aqui é que o tamanho do conversor pode ser economicamente mais interessante para as grandes fábricas americanas de laticínios. Pelo menos nos EUA, a conversão de metano gera naquele país inteiro apenas 2 megawatts de energia, e só é usado por 1% das fazendas. E considerando que a fábrica na China poderia reduzir suas emissões de carbono em mais de 180.000 toneladas, com certeza quem gosta do meio ambiente vai apoiar.

0 comentários:

Postar um comentário

CÓDIGO DO LINKWITHIN