Ads 468x60px

Labels

Labels

24 de jun de 2011

Sony demitiu responsáveis por segurança antes de ser atacada



Se algum dia fizerem um site com uma representação gráfica de certas expressões, ao lado de “ironia do destino” vai estar a marca da Sony. Essa expressão é a que melhor define o que aconteceu com a empresa em termos de segurança e pode muito bem ser usada como referência. Ao menos é o que revela um novo processo aberto contra a Sony nos EUA, que diz que antes de ser atacada a Sony demitiu os funcionários responsáveis pela segurança.
O processo foi aberto pelos americanos Felix Cortorreal, Jacques Daoud Jr. e Jimmy Cortorreal, que citam uma testemunha ocular como fonte das informações sobre as demissões dentro da empresa. Essa testemunha afirma que o setor da Sony chamado Network Operations Center, que é responsável por prevenir e responder a ataques e vazamentos de dados, teve seu quadro de funcionários reduzido drasticamente duas semanas antes da PSN ser invadida e ser retirada do ar.
Ela também afirmou no processo que a empresa reforçou bastante a segurança dos seus dados corporativos, instalando firewalls e toda a sorte de esquema de segurança nos servidores. Mas a empresa não se importou em gastar a mesma quantidade de tempo ou dinheiro tentando proteger dados dos seus clientes da PSN.

0 comentários:

Postar um comentário

CÓDIGO DO LINKWITHIN