Ads 468x60px

Labels

Labels

22 de nov de 2010

Microsoft está animada com “hacks” do Kinect

 O Kinect foi lançado nos internacionalmente no dia 4 de novembro (e aqui no Brasil na última quinta-feira). Desde então algumas surpresas muito agradáveis foram surgindo, ao menos para os interessados nas múltiplas utilidades que o periférico pode ter — além de um controle de vídeo-game, obviamente.
Inicialmente, hackers fuçadores conseguiram desenvolver drivers abertos para o Kinect e aí… bem, começou a ser uma novidade criativa atrás da outra.
Teve de tudo: captura de vídeo 3D, boneco de “sombra” gerado por computação gráfica, Minority Report e até um momento Jedi.
Sobre o fato de o Kinect ter sido “hackeado”, o diretor da Microsoft Alex Kipman comentou:

“O Kinect nunca foi realmente hackeado. Hackear significaria que alguém pegou nossos algoritmos dentro do Xbox e conseguiu realmente utilizá-los. Ou significa colocar um dispositivo entre o sensor e o Xbox para trapacear, o que também não aconteceu. Isso é o que chamamos de hackear, e colocamos um imenso esforço para que isso não aconteça realmente.

O que houve foi que alguém escreveu um driver de código aberto para PCs, o que essencialmente abre a conexão USB, que nós não bloqueamos deliberadamente, e lê as entradas do sensor.”

Já Shannon Loftis, uma gerente do Microsoft Game Studio disse que está “animada em ver que as pessoas estão tão inspiradas” em pensar no que podem criar com o hardware do Kinect.

0 comentários:

Postar um comentário

CÓDIGO DO LINKWITHIN